Preconceito, eu?

Nego-me a falar sobre esse assunto. Então, sei lá, vou ponteá-lo. Pontear, eis uma palavra que sempre quis escrever.

Sabem o que é racismo de último grau? São negros albinos caçados por outros negros em lugares remotos da África. Com a precisão geográfica que o Google Earth me permite, na Tanzânia. Sabem o que fazem? Não é piada: “poções mágicas”.

O valor de um albino nestes rituais é alto. Precisam ser escondidos antes que feiticeiros e outros malucos queiram matá-los, arrancarem-lhes o sangue, pele, órgãos ou o que mais dê “juventude e sorte na vida”.

Hoje me preocupo com os albinos da Tanzânia. Parecem-me mais indefesos que a maioria das minorias que dizem sofrer preconceito no Brasil.

No entanto entendo toda a falação. É um terreno perigoso. E você não está pisando em ovos, está pisando em gente. Isso suscita todo o tipo de manifestação. Da que acha que é só mais uma piada boa, ruim ou de mau gosto. Até a que leva ao cerne mais severo.

Sobre o caso Gentili, o Hélio de La Peña disse que era apenas mais uma piada ruim. Mussum diria que “preto é o seu passadis”, a TV Pirata faria um quadro como aquele fantástico interpretado pelo Ney Latorraca, Diogo Vilella e a Regina Casé: “Negro, eu?” e assim vai.

O mundo ficou chato. Isso é inegável.

Ah, eu tenho preconceito com o Sarney. Mas isso é um caso para uma próxima polêmica.


PS.: este post ficará sem fotos para contemplar, dentre tantas cotas, os não-fotogênicos.

Anúncios

4 Respostas to “Preconceito, eu?”

  1. ThePzr Says:

    Acho que um dos problemas aí o Gentili é o fato dele sempre ficar atazanando os “poderosos” no Senado. É claro que se acontece algo, por menor que seja, acaba pesando prá ele. Triste e lamentável, mas é.

  2. Frank Maia Says:

    logo nova! desde de qdo??

  3. Denise Says:

    Tu sabe que eu pensava como você, com relação ao comentário do Danilo, mas ontem me fizeram.. não mudar de ideia.. mas ver a situação por outro ponto.
    O cara tem 170 mil seguidores. Se ele falar “peidei”..170 mil pessoas vão ler isso. E lógico que dente essas vai ter alguém oportunista, querendo tirar aguma coisa dele, que é o cara do momento da mídia nacional.
    Tanto que pelo que acompanhei, diversos negros se manifestaram no twitter, dizendo que não tinham visto preconceito com piada. Na verdade, na minha opinião, o problema foi a piada (tão velha quanto o filme), isso sim não tem desculpa.

    Mas concordo contigo quando diz que “o mundo ficou chato”

    Prometo um comentário mais engraçado da próxima vez.
    Uma abraço.
    Denise.

  4. tibartz Says:

    Sobre o Gentili, é pura hipocrisia do brasileiro mesmo. Brasil é um país tão medíocre, que luta contra um humorista, mas não luta contra o governo. Só reclama do que foi dito.

    Isso é hipocrisia: Reclamar de uma piada sobre uma criança com câncer, mas JAMAIS ir visitá-la no hospital.

    Não, o mundo não ficou chato. Nos EUA ninguém reclama dessas piadas banais, que, apesar de sem-graça, não devem ser apagadas.

    Texto genial, amém. (Pegou? Pegou?)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: